Meio&Mensagem
Publicidade

A primeira vez de um criativo

Para aproveitar o melhor desse imenso encontro de inovação, fui logo tratar de saber com os veteranos como fazer


10 de março de 2018 - 9h30

Ansioso, excitado, cheio de expectativas e um tantinho receoso quanto a minha performance. Como todo garoto virgem, é assim que eu me sinto na minha primeira vez no SXSW.

Para aproveitar o melhor desse imenso encontro de inovação, fui logo tratar de saber com os veteranos como fazer. E as recomendações são tantas que a conclusão é que se você conseguir sobreviver a quantidade de dicas de como sobreviver no festival, pode ir tranquilo. Os macetes mais valiosos vieram pelas mãos do Eduardo Fraga (Urubu Filmes), Janaína Augustini (O2), Lalai Persson (Chicken or Pasta) e meu mais novo melhor amigo, o diretor de planejamento estratégico Carlos Gustavo Borges.

Segundo essas sumidades, o negócio era estudar. E lá fui eu, me debrucei na infinita lista de palestras como quem estuda para o vestibular de Medicina da USP. Mas a gente só vai saber mesmo se eu passei, no final dessa semana.

Uma das orientações era ir marcando como favoritas as sessões que você gostaria de participar. Fiz isso! Resultado? Marquei quase o festival inteiro. Também, não é para menos, vocês já viram a quantidade de sessões, palestras, mentorias, exposições e ativações que o festival oferece? É o famoso FOMO (fear of missing out) ao vivo e a cores para você. Como decidir se você vai ver o case do ano de inovação de uma marca, ouvir sobre a nova expedição da NASA, saber o futuro das transações financeiras ou o próximo passo da experiência VR?

via GIPHY

Calma! Segundo quem frequenta o festival há tempos isso é bom pois você tem sempre um plano B a manga em caso da sala que você queria lotar, estar longe demais para chegar a tempo ou qualquer outro imprevisto. O segredo é eleger uma ordem de prioridade para saber para onde correr na hora do aperto.

E mesmo assim, um acalanto para pessoas ansiosas como eu: se nada sair como planejado, o festival tem uma variedade gigante de atividades paralelas para fazer como exposições, feiras de inovação, casas de países e marcas participantes. Além, é claro da própria cidade que durante o período, oferece uma programação extra-oficial para os incansáveis. Você pode conferir um pouco do que rola por aqui https://2018.do512.com/ .

Depois do primeiro dia de festival, estou bem otimista. Acredito que independente do caminho trilhado durante essa semana, seja em uma sala de convenções ou na rua, ele com certeza será enriquecedor. E talvez, essa seja a graça do festival, oferecer experiências únicas e individuais. Um pouco das minhas eu vou tentar dividir por aqui com vocês. Sejam bem-vindos ao SXSW 2018.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • South by Southwest

  • SXSW

  • SXSW2018

  • SXSWnoMM

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio