Meio&Mensagem
Publicidade

Elvis não morreu!

Em um momento “mais cultural” durante a minha participação no SXSW fui conferir de perto o documentário feito pela HBO sobre a carreira de Elvis Presley produzido por Priscilla Presley


16 de março de 2018 - 11h34

Priscilla Presley (crédito: divulgação)

Mesmo após 41 anos de sua morte Elvis Presley continua despertando a atenção do público. Na tarde de quarta feira (14/03) Priscilla Presley (Ex-esposa e Produtora Executiva), David Porter (lendário produtor musical de Memphis) Thom Zimny (Diretor) e o moderador John Jackson (SVP A&R, Sony Music) discutiram o documentário de mais de três horas distribuído em dois filmes sobre a trajetória de Elvis desde sua infância até as sessões finais de sua gravação na Jungle Room de Graceland em 1976. Na quinta feira pude conferir a Avant Premiere do documentário seguido de Q&A com Priscilla e Thom Zimmy.

O documentário chamado Elvis Presley: The Searcher será exibido nos Estados Unidos a partir de 14 de abril de 2018 e conta com a participação de diversos produtores, amigos, familiares e artistas que levaram em suas carreiras a marca e influência do Rei do Rock como Bruce Springsten e Tom Petty. Interessante destacar que o diretor optou em colocar apenas as vozes dos convidados deixando as imagens para Elvis e cenas que ajudam a enriquecer o enredo.

Mostra a carreira de maneira fidedigna com detalhes de sua musicalidade, a influência direta da música gospel negra do sul dos Estados Unidos e a sua competência de absorver outros diferentes estilos como Blues e Country em uma Memphis efervescente. Tudo isso contribuiu para Elvis fazer o seu estilo próprio e ser a faísca de um movimento muito maior do que todos poderiam imaginar.

O que mais impressiona no filme é a sua dedicação em todos os momentos decisivos de sua carreira. A primeira sessão na Sun Records, seus primeiros shows regionais, a mudança para RCA, as primeiras aparições em TV nacional, seu primeiro LP após o retorno do exército, a gravação do especial de 68 e seus mega shows em Las Vegas.

Durante todo o filme o foco principal é em sua carreira tentando não explorar muito o seu lado pessoal. Existe sim um destaque sobre a influência exercida por seu empresário, Tom Parker, muito importante em seu crescimento, mas, que acabou sendo um dos principais responsáveis pela exaustão e exploração de Elvis em todos os níveis.

Aguardemos quando a HBO fará o lançamento no Brasil. Espero que seja em breve!

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • South by Southwest

  • SXSW

  • SXSW2018

  • SXSWnoMM

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio