Meio&Mensagem
Publicidade

Da Amazônia às cidades inteligentes, o que o Brasil leva para Austin

Entre as maiores delegações estrangeiras e com nova presença recorde no SXSW, brasileiros protagonizam palestras e debates que mesclam política, ambiente e desafios econômicos

Luiz Gustavo Pacete
1 de março de 2019 - 10h00

A aceleradora Vale do Dendê, de Salvador, é um dos cases que será apresentado no SXSW (Crédito: Divulgação)

O Brasil acumula recorde em número de participantes no SXSW. Sucessivamente, nos últimos três anos, o País superou seu próprio número de inscrições.  De acordo com Tracy Mann, embaixadora do SXSW no Brasil, a presença do País no evento não é apenas como ouvinte, pelo contrário, há cada vez mais brasileiros em painéis de temas variados.

Neste ano, explica Tracy, houve descentralização na participação dos brasileiros em painéis contemplando outras regiões do País além do Sudeste. “Estou especialmente empolgada com os crescentes níveis de participação de estados como Bahia, Espírito Santo, Santa Catarina e Paraná”, afirma.

A ascensão dos negócios protagonizados por empreendedores negros no Brasil, por exemplo, é o tema principal de Paulo Nunes, da aceleradora Vale do Dendê, de Salvador, e David Wilson, americano com laços diretos com Salvador. Eles contam de que maneira o ecossistema de negócios do Brasil está começando a passar por transformações. “O SXSW reúne pessoas do mundo todo e isso nos anima bastante, pois acreditamos que a luta pela inclusão e diversidade é também global. Ano passado o MeetUP de startups negras excedeu o espaço previsto e foi o mais badalado do evento”, diz Paulo Nunes.

Stella Hiroki, fundadora d Smart City Talks, trata da ligação entre a educação e a mídia na criação de espaços urbanos igualitários. Um dos cases a serem apresentados por Stella é o Edifício Dandara, em São Paulo, e a conexão do empreendimento em relação à inovação urbana. Stella também põe em perspectiva o papel dos jovens na formação das cidades inteligentes. A documentarista independente Eliza Capai mostra como as crises econômicas e sociais se aprofundaram em 2015 e como que, neste contexto, alunos de mais de mil escolas pelo país se uniram para preservar suas escolas.

O cineasta Fernando Meirelles, da O2 Filmes, Vasco Marcus, da Equipe de Conservação da Amazônia e Claudinete Colé de Souza levarão para a Austin a discussão  sobre a preservação das florestas. Diante da perspectiva de que mais de 20% da maior floresta do mundo já foi destruída, eles colocam em perspectiva o papel dos guardiões da floresta neste contexto. Ligia Giatti e Barbara Soalheiro, do projeto Mesa e Cadeira, falam sobre o sistema de trabalho em equipe desenvolvido para resolver desafios complexos e liberando o potencial humano, técnica utilizada por empresas como Google, Coca-Cola e Nestlé.

Brazil: From Resistance to an Interactive Film
Neste painel, a documentarista Eliza Capai narra como as crises econômicas e sociais do Brasil se aprofundaram em 2015 e como os alunos de mais de mil escolas se mobilizaram com a intenção de melhorar a educação pública. “Quando escrevi o roteiro de um longa-metragem sobre o movimento, surgiram perguntas para mim. Como eu poderia fazer o público entrar na história e aprender sobre o material de uma maneira emocional?”, diz Eliza.
MAR 9, 2019 | 3:30PM – 4:30PM
TOPAZ BALLROOM 1-2-3
111 E Cesar Chavez

Connecting the Hidden Amazon to the World
Fernando Meirelles, Vasco Marcus da Equipe de Conservação da Amazônia e Claudinete Colé de Souza, da organização Arqmo, falam sobre um cenário em que a Amazônia, maior floresta do mundo, possui mais de 20% de sua flora destruída e o fato de restar apenas 5% para atingir o ponto de inflexão da biodiversidade e iniciar o processo de desertificação. Esse é o ponto a ser abordado tendo a produção audiovisual como perspectiva de discussão.
MAR 9, 2019 | 3:30PM – 4:30PM
TOPAZ BALLROOM 1-2-3
111 E Cesar Chavez

Redesigning Cities Through Young Urbans
Esta sessão é sobre como usar a educação e a mídia inspirando a Juventude Brasileira a criar projetos que possam melhorar suas cidades. Stella Hiroki, PhD em cidades fala sobre como  conectar jovens urbanos e cidades. Apresentando casas brasileiras como o Edifício Dandara, no centro de São Paulo, que melhorou o bairro, Stella demonstra que o Brasil pode ser uma referência de inovação urbana e também mostra a importância dos jovens urbanos estarem cientes do uso de tecnologia para integrar projetos técnicos de inovação social.
MAR 9, 2019 | 3:30PM – 3:45PM
HILTON AUSTIN DOWNTOWN
ROOM 400-402
500 E 4th St.

The Rise of Black Business in Brazil
O ecossistema de negócios do Brasil está começando a passar por uma enorme transformação. A maior nação da América Latina está despertando para o potencial de seus 110 milhões de cidadãos negros que representam 54% de sua população. Este painel fornecerá uma introdução às oportunidades que existem na parceria e prestação de serviços para os membros da segunda maior economia de consumidores negros do mundo. Os convidados serão David A. Wilson, fundador do theGrio.com e agora um expatriado que mora no Brasil, e Paulo Rogério, fundador do Vale do Dende, um acelerador de negócios localizado em Salvador.
MAR 12, 2019 | 11:00AM – 12:00PM
HILTON AUSTIN DOWNTOWN
SALON G
500 E 4th St.

How to Design Work That Humans Love

A boutique de inovação Mesa & Cadeira, criada pela jornalista Barbara Soalheiro, se propõe a desenvolver dinâmicas para resolver questões e desafios apresentados por empresas. No SXSW, Barbara e sua sócia Ligia Gatti tratam sobre como o sistema de trabalho em equipe pode resolver desafios complexos liberando o potencial humano. Nos últimos seis anos, a Mesa & Cadeira liderou 127 Mesas com mais de 50 empresas, entre elas, de empresas como Google, Coca-Cola e Nestlé.
MAR 12, 2019 | 9:30AM – 10:30AM
JW MARRIOTT
SALON 5
110 E 2nd St.

Advantages of Regional Music Services Around the World
Esta sessão se concentrará em alguns dos principais serviços regionais de música de todo o mundo. Embora Spotify, Apple Music, Amazon e YouTube sejam mais relevantes internacionalmente, é vital que existam serviços mais localizados que tenham uma compreensão mais profunda de mercado, região ou tipos de música específicos. Entre eles, o iMusica, do Brasil.
MAR 15, 2019 | 2:00PM – 3:00PM
AUSTIN CONVENTION CENTER
ROOM 13AB
500 E Cesar Chavez

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Brasil

  • Cidades Inteligentes

  • Empreendedorismo

  • inovacao

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio

Mobile Partner