Meio&Mensagem
Publicidade

Não quero falar de tecnologia, quero falar de pessoas

A principal característica dos participantes do South by Southwest é a avidez pelo novo


6 de março de 2018 - 10h34

Candice Morgan, head de inclusão e diversidade do Pinterest, no SXSW 2017 (crédito: divulgação/Errich Petersen)

A principal característica dos participantes do South by Southwest é a avidez pelo novo, por entender o que está acontecendo em diferentes aspectos da sociedade através de uma experiência que amplia a sua mente e te deixa em puro êxtase. Eu ainda não fui, mas me falaram que é mais ou menos assim.

Felizmente não somos todos iguais, o festival é grande e cada um tem um interesse particular em algo. Não espere de mim conteúdo sobre inteligência artificial, realidade virtual, blockchain ou colonização de Marte. A minha parada é humana, e sim, provavelmente teremos aplicações dessas tecnologias no que rege os meus interesses: cultura organizacional, educação e futuro do trabalho.

O festival está falando muito sobre isso também, então separei o que me chamou atenção e espero que eu consiga administrar bem o tempo e estar na maioria desses lugares. Agrupei em 5 tópicos principais com destaque para algumas palestras:

1) Com o objetivo de melhorar a relação com o trabalho, reinventá-lo e saber lidar com os desafios da gestão multigeracional.
Melinda Gates
Essa mulher é maravilhosa! Ela está à frente da Bill & Melinda Gates Foundation, o maior fundo privado dedicado à causas humanitárias. O foco do seu trabalho é capacitar mulheres e meninas a encontrar o seu potencial.
Melinda estará em um painel com a Stacy Brown-Philpot, CEO da TaskRabbit, e com a Joanna Coles, diretora de conteúdo da Hearst Magazines. O trio vai discutir como novas tecnologias, modelos de negócios e movimentos sociais estão redefinindo o que significa ir ao trabalho, e a construção de um ambiente de trabalho inclusivo que realmente funcione para todos.
Austin Convention Center – Ballroom D
11 de março, 2 pm – 3 pm

Would you let your boss biohack you?
Dave Asprey vem trabalhando com cientistas e médicos para descobrir métodos inovadores de aumentar a performance física e mental e traz para esse painel a discussão sobre o uso de smart drugs, nootrópicos, meditação e outras técnicas de biohacking – hackear a própria biologia – para melhorar a resolução de problemas e o pensamento crítico, bem como a experiência de trabalho.
Austin Convention Center – Ballroom EFG
11 de março, 12:30 pm – 13:30 pm

Outras seleções relacionadas ao ambiente de trabalho:
It’s Time: Find Alignment & Abandon Work-Life Balance
Redefining the Physical Workplace
So You’re Leading from a Distance… Now What?!?
How Will Gen Z Change Work: My Cubicle is My Bed
Collective Tech Experiences & the Future of Teams
A New Leadership Model for the Digital Age

2) Para controlar a ansiedade e se preparar para fazer outra coisa quando os robôs fizerem o seu trabalho.
Understanding the Human Side of Automation
A Robot Won’t Take Your Job: A Human Will
Think Different, Teach Different

3) A cultura é parte central de uma empresa, se eficiente torna o espaço mais focado e produtivo. E nessas de South by todo mundo quer inovar, mas o quanto paramos para observar nossas ações e hábitos dentro da empresa?
Leading for a Culture of Innovation & Creativity
Culture Shock: How Company Policy Slows Innovation
Designing Culture

4) Minhas apostas para saber mais sobre o que está rolando no sentido de construção de times e desenvolvimento de profissionais.
Your Diversity Recruiting Isn’t Actually Diverse
Exploring Skills Today: Is Your Degree Worthless?
Graduating Problem Solvers to Fix the Workplace

5) Fugindo um pouco dos meus tópicos principais, mas não do fator humano.
Create the world you want to live
Para quem como eu precisa ouvir histórias inspiradoras, esse painel com Guy Raz vai falar sobre a história da top model e empreendedora Karlie Kloss que aprendeu a programar e abriu uma empresa sem fins lucrativos para ensinar meninas a programar e as incentiva a se tornarem líderes em tecnologia, e sobre como o Head of Global Brands, Eric Liedtke, através do esporte encontrou uma estratégia para conservação dos oceanos.
Fairmont Manchester A
14 de março, 11 am – 12 pm

Healing the mind: Design, Tech & Psychedelics
Com foco em saúde mental, esse painel reúne profissionais da Compass Pathways, Google Verily, e IDEO, com participação da correspondente da CNN, Laurie Segall, para falar de como designers estão abordando a experiência do cuidado (experience care) e o impacto na vida dos pacientes, bem como a volta da pesquisa psicodélica (shrooms que podem tratar qualquer coisa, da angústia de um paciente com câncer até o alcoolismo).
Austin Convention Center – Room 8ABC
9 de março, 5 pm – 6 pm

Por fim, não, eu não trabalho com RH, mas todo líder precisa entender de pessoas, como a equipe se sente e principalmente como ajudá-los a encontrar seu potencial em um mundo de mudanças exponenciais.

Atualmente trabalho em um projeto muito legal de L&D (Learning and Development) e além de todas as palestras, espero conhecer e trocar experiência com pessoas diferentes de mim para que essa expansão de consciência não se limite ao evento. Então, pensando nisso me coloco a disposição para evoluirmos juntos, pode ser através de uma mensagem, um café aqui no trabalho (São Paulo) ou compartilhando uma bebida em Austin.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • South by Southwest

  • SXSW

  • SXSW2018

  • SXSWnoMM

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio